Buscar
  • Nardelle Souza

Geração depressiva: O que está acontecendo com os jovens da atualidade?


Em tempos conectados como os atuais, vemos constantemente, jovens aproveitando os recursos das redes sociais para falar sobre suas fobias, seus medos, suas frustações, opressões e angústias. Mas o que está acontecendo com essa geração?

Quando vemos pessoas compartilhando suas experiências em assuntos como este por meio de redes sociais, devemos nos sentir felizes, pelo fato de que isso está deixando de ser um tabu. Quanto mais falarmos sobre isso, mais ajuda teremos ou conseguiremos para aqueles que de fato precisam.

Pensando de uma forma ampla, trouxemos algumas dicas de como evitar que sua saúde mental seja prejudicada:

1 – Procure ajuda profissional: Muitas pessoas carregam consigo um certo preconceito com relação a frequentar terapias. Uns por não acreditar em sua efetividade, outros por receio de que sofram algum tipo de preconceito. O que muitos não sabem, é que a terapia se tornou algo cada vez mais normal, tendo em vista que todo e qualquer ser humano, precisa de ajuda, em alguma situação e nem sempre, amigos e familiares são a melhor companhia neste momento. Portanto, não tenha vergonha! Procure ajuda, psicólogos, psiquiatras, são pessoas qualificadas para orientar seus pacientes a como proceder de forma correta, diante de determinadas situações.

2 – Não se isole do mundo: É normal que nos afastemos das pessoas, quando não nos sentimos bem. Se não estamos felizes, por qual motivo iremos compartilhar de momentos ruins com nossos amigos, familiares, ou com nosso parceiro (a)? Entretanto, o isolamento não traz nada além do aumento de nossas frustrações. Não se tranque em um quarto! Saia com os amigos, vá ao cinema, leia um livro, corra, coma bem, desfrute dos bons momentos que as pessoas que lhe rodeiam, podem proporcionar!

3 – Procure conversar com quem lhe entende: De nada adianta, procurar ajuda em locais onde você acabará tendo mais problemas, certo? Procure as pessoas corretas, que de fato se fazem amigas em qualquer situação. Assim, você poderá desfrutar de bons conselhos e uma boa companhia.

4 – Encontre “abrigo” em coisas que você gosta: Todo mundo tem algo que traz consigo, um certo “conforto mental”. Seja em pinturas, cinema, teatro, artesanato, DIY. Sempre existirá uma coisinha que possa ser nossa válvula de escape. Então, tire um tempo para fazer aquilo que realmente gosta.

5 – Lembre-se de todos os seus sonhos: Uma das coisas que podem ajudar em um momento difícil, é lembrar não somente de tudo o que vencemos e conquistamos até então, mas também, tudo aquilo que queremos conquistar. É claro, que talvez o estado em que a pessoa se encontra, não permita que essa visualização criativa aconteça, mas tente, insista, persista, quantas vezes for necessário. Sua saúde mental agradece!

E por fim, lembre-se: Você não está sozinho nessa!

©  Desde 2005  -  RAYDAN